Pular para o conteúdo
Voltar

Sesp assegura reforço policial em reunião com moradores da Guia

Após ouvir os relatos dos 14 moradores presentes, o secretário se comprometeu a reforçar a presença policial no Distrito e organizar operação com o intuito de coibir o cometimento de crimes.
Nara Assis | Sesp-MT

Gabriel Aguiar / Sesp-MT
A | A

Em atendimento às demandas apresentadas por moradores do Distrito de Nossa Senhora da Guia, pertencente à Cuiabá, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) reforçará ações preventivas e ostensivas no local. Proprietários de chácaras e líderes comunitários foram recebidos pelo titular da pasta, Gustavo Garcia, nesta quinta-feira (06.12), para demonstrar a necessidade de repressão aos crimes de roubos e furtos.

Após ouvir os relatos dos 14 moradores presentes, o secretário se comprometeu a reforçar a presença policial no Distrito e organizar operação com o intuito de coibir o cometimento de crimes. Os participantes também relataram que muitas destas ocorrências são motivadas e alimentadas pelo tráfico de drogas, reconheceram a atuação da Polícia Militar (PM-MT) e reforçaram a necessidade de melhorar a investigação dos crimes.

Gustavo Garcia frisou que confia na atuação da Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), bem como de todas as instituições que compõem a Sesp, e que cada inquérito tem um tempo para conclusão e tomada de providências. Porém, ele firmou o compromisso de encaminhar as queixas e agendar uma reunião entre a diretoria da PJC e os moradores. “Nós entendemos o descontentamento com esse problema que, infelizmente, continua assolando a população, e que depende do empenho de todos os setores responsáveis, incluindo a Segurança Pública, assistência social, educação, e Poder Judiciário”, avaliou.

A presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) do Distrito da Guia, Benedita Souza Mendes, conhecida como dona Morena, afirmou que os suspeitos de cometerem os crimes de roubos e furtos seriam os mesmos e conhecidos da população local. Ela solicitou ainda uma unidade de delegacia para atender o município de Acorizal e o Distrito da Guia.

O secretário da Sesp explicou que esta é uma demanda que depende de aumento de efetivo e disposição orçamentária, e que precisa ser tratada durante a reunião com a diretoria da PJC. Gustavo Garcia lembrou também a nomeação de 15 delegados aprovados em concurso público, feita esta semana, cuja destinação de um deles para atender a poderá ser feita por volta de abril de 2019. Esta é a data de conclusão do curso de formação, requisito necessário para que entrem em exercício.