Pular para o conteúdo

Seduc já entregou 900 latas de tinta para Escolas Plenas de Cuiabá

Secretaria realizou uma força-tarefa para revitalizar as seis unidades da capital. Mobiliários, aparelhos de ar condicionado, geladeiras e bebedouros também foram entregues
Camila Cecílio | Seduc-MT

Júnior Silgueiro
A | A

A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) entregou neste mês 900 latas de tinta para a revitalização dos prédios onde funcionam as seis Escolas Plenas de Cuiabá, de período integral. Uma força-tarefa foi organizada com o intuito de revitalizar os espaços, até que as reformas previstas para as unidades comecem, para garantir ambientes agradáveis e propícios à aprendizagem.

A ação faz parte do Pró-Escolas, maior programa de investimento em educação já lançado pelo Governo do Estado, e dividido nos eixos Estrutura, Ensino, Inovação e Esporte e Lazer. Nesse sentido, diversas iniciativas estão previstas para até o final de 2018 com o objetivo de transformar a educação de Mato Grosso.

As escolas estaduais também receberam aproximadamente 60 aparelhos de ar condicionado, uma geladeira e um bebedouro cada uma, além de armários, mesas e cadeiras para refeitório e materiais pedagógicos, conforme a necessidade. As beneficiadas foram a EE José de Mesquita, EE Nilo Póvoas, EE Padre João Panarotto, EE Prof. Antônio Epaminondas, EE Cleinia Rosalina Souza e EE Rafael Rueda, localizadas na periferia de Cuiabá.

Os gestores de todas as unidades onde foram feitas entregas destacaram a importância do trabalho realizado pela Seduc, no sentido de dar nova “cara” ao ambiente escolar – e sobre como isso pode contribuir para o processo de aprendizagem dos alunos.

O diretor da EE Rafael Rueda, Roniclei de Lara Santos, por exemplo, observou que as mudanças são estimulantes e funciona como um combustível para melhorar a qualidade da educação. “É uma ação simples, mas de grande relevância para a comunidade escolar, por isso comemoramos”, garante.

Escolas Plenas

Mato Grosso conta com 14 Escolas Plenas funcionando em seis municípios, com Ensino Médio em Tempo Integral. A proposta começou a valer no início deste ano e já vem apresentando resultados positivos em todas as unidades, uma vez que tem uma série de diferenciais, como matriz curricular atraente e personalizada e maior proximidade com os professores. Além disso, o aluno traça na escola o seu projeto de vida e tem preparação especial para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Para 2018, a meta da Seduc é ampliar para 40 o número de Escolas Plenas.

Pró-Escolas

A fim de proporcionar o pleno funcionamento dessas unidades, a Seduc já começou a lançar licitações para a reforma geral das escolas. As obras deverão começar nos próximos meses.

Até o final de 2018, a Seduc deverá entregar 35 novas escolas (sendo 17 já inauguradas), 20 quadras poliesportivas e 70 reformas, totalizando 140 obras. Para isso, a Secretaria conta com orçamento de R$ 180 milhões para este ano e mais R$ 180 milhões para 2018, um recorde histórico no Estado.





document.querySelector('.pagetitle-wrapper div').classList.add('pagetitle-content'); document.querySelector('.pagetitle-wrapper div').innerHTML = "Notícias"; // ]]>